#DropsdaFal_Noapart-hoteldocondeDrácula

Sonhos duma domesticidade inalcançável, empadinhas, trabalho até tarde no domingo, filminho do Branagh, pão-com-manteiga (não, não tem hífen, mas deveria ter, viu), sangue no canto… Continue a ler »

  • por

Domingo Caderninho Gata na prateleira, aguinha de laranja, um olho na Ana, outro na Suzi, série de zumbi-engraçadinho rolando na tevê, trabalhando.Existem domingos melhores, eu… Continue a ler »

e Alma bem mais iluminada do que a minha (não é preciso muito, como nós dois sabemos), já disse que o cara que filosofa demais… Continue a ler »

  • por

Pergunta, chuva e um hambúrguer quase tão gostoso Chuva, finalmente. Faz mais de uma hora que um véu de água cobre a vista (hahahaha, eu… Continue a ler »

  • por

Netos, distância, cacau, livros, vento, maionese, musiquinha, braço, literatura, ideia, comentário e café Vento. Não ventania, mas vento. Pode ser que tenhamos chuva. Meu amor… Continue a ler »

  • por

Terceiro andar: tecidos de florzinha, meu pobre coração partido, copos bico de jaca e a frase do nosso tempo Café com amiga. Adoro brincar de Noviorque no Starbucks. Podem me… Continue a ler »

Resmungos matinais sobre solidão, vida, caras que a Maliu ama e goiabada com queijo Lembro demais dum livro da Danuza Leão (sei que não pode… Continue a ler »