Pular para o conteúdo

Drops da Fal

A vantagem dum blog invisível é que ele é invisível. Ninguém lê. Ninguém se importa (bom, não se importariam ainda que lessem, eu sei). Tirando… Continue a ler »

Perdemos, perdemos todos. Perdemos tanto. Perdemos sempre. Perdemos o rumo, os ideais, as ideias, o fôlego. Perdemos o fio da história. Perdemos a vergonha, perdemos… Continue a ler »

Se você estivesse aqui, ainda que virtualmente, pelo aplicativo do celular, se você quisesse estar, eu lhe diria sobre o dia que tive e o… Continue a ler »Se

Se

Entender-se só é um processo que nos custa a vida toda – e às vezes nem ela é suficiente. Eu me sinto só todos os… Continue a ler »Mais

Mais

Ela chegou da repartição às oito. Podre. Podre. Podre. Botou as meninas na cama. Trocou a areia da gata. Tomou banho. Jantou sozinha. Ele chegou… Continue a ler »Gerda

Gerda

Eu deixei alguém entrar. Burra, imperdoavelmente burra. Quase amadora. Deixei. Eu tinha mesmo aprendido: não deixe ninguém entrar. Nunca mais. Fiz um acordo comigo e… Continue a ler »Maysa

Maysa

  • por

Tou lendo a respeito dum peixe que nasce fêmea e vira macho. Que sorte imensa tem esse bicho, desde que vire um macho hetero. Nunca… Continue a ler »Um peixe

Um peixe

  • por